Telefone: (11) 2247-9516
WhatsApp (11) 9 4217-9658
Óleo Ozonizado, Ozônio, Ozonioterapia, Saúde em geral

Benefícios da ozonioterapia na síndrome respiratória aguda grave

A síndrome respiratória aguda grave (SARS) é uma pneumonia viral que evolui rapidamente para insuficiência respiratória. É uma doença infecciosa recente e pode ser fatal.

Preocupante, não é mesmo? A boa notícia é que a ozonioterapia é eficaz contra a síndrome respiratória aguda grave. Nesse texto, você pode entender mais sobre a doença, seus sintomas e a utilização do ozônio contra SARS. Boa leitura!

Quais são os sintomas da SARS?

A síndrome respiratória aguda grave apresenta sinais e sintomas de infecção aguda no trato respiratório inferior. Felizmente, nenhum caso foi relatado mundialmente desde 2004.

Os sintomas de SARS lembram outras infecções virais respiratórias mais comuns:

  • Febre;
  • Dores de cabeça,
  • Calafrios;
  • Dores musculares.

Uma pessoa só levantará suspeita de SARS se teve contato com alguém infectado. A transmissão ocorre por gotículas transportadas pelo ar depois que uma pessoa infectada tosse ou espirra.

Quando a suspeita é alta, o paciente deve ser isolado em um local com sistema de ventilação para limitar a transmissão.

O surto mundial de 2003

A SARS foi detectada na China no fim de 2002. Houve um surto mundial que resultou em mais de 8 mil casos no mundo e 774 mortes em 2003.

Até 2019, nenhum caso foi relatado no mundo. Desde 2004, e considera-se que a SARS – a doença, mas não o vírus – foi erradicada.

Acreditava-se que a fonte eram gatos-de-algália infectados por contato com um morcego antes de serem vendidos em um mercado de carne. Os morcegos, muitas vezes, carregam o vírus e ele provavelmente continua presente nesses animais.

O vírus

A SARS é causada por um coronavírus e é muito mais grave do que a maioria das outras infecções. Além dela, a Síndrome Respiratória do Oriente Médio (MERS) é outra doença grave causada por um coronavírus.

A ozonioterapia contra a síndrome respiratória aguda grave

A ozonioterapia é uma das principais técnicas para tratar a síndrome respiratória aguda grave. Considerando a imprevisibilidade de seus ciclos, a SARS é uma doença desafiadora principalmente pela sua capacidade patogênica e mutacional.

O MERS pertence à mesma família da SARS e é mais recente no cenário mundial. Ainda existe incerteza sobre os modos de transmissão e à natureza de seus reservatórios de animais.

Sua letalidade, no entanto, é bem conhecida e não existem vacinas nem agentes antivirais disponíveis para SARS ou MERS. Há apenas medidas de suporte, como a aplicação de ozônio, que possui propriedades antivirais.

A mistura de oxigênio e ozônio com fluidos biológicos é usada há muito tempo. O ozônio, tem propriedades biológicas especiais e, portanto, é um candidato viável como inativador de MERS e SARS.

A ozonioterapia contra a síndrome respiratória aguda grave é eficiente porque o ozônio é uma molécula rica em energia, incorporando propriedades físico-químicas e biológicas diferenciadas na terapia da SARS. O gás pode ser a única terapia contra a doença, ou um complemento de tratamentos padrão.

Ajuda especializada

O ozônio é um gás amplamente benéfico e usado no combate de inúmeras doenças, mas para acessar o melhor tratamento, é indispensável que seja manuseado por um especialista, como a clínica Dr. Ozônio!

Acompanhe as atualizações do blog da Saúde com Ozônio para saber sobre a eficiência e versatilidade dos tratamentos com ozonioterapia.

Comentários

Previous ArticleNext Article

1 Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *