Telefone: (11) 2247-9516
WhatsApp (11) 9 4217-9658
Ozonioterapia

Ozonioterapia no tratamento de lombalgia

O tratamento de lombalgia é uma realidade que precisará ser enfrentada por sete entre 10 pessoas em todo o mundo, de acordo com dados de um documento da Organização Mundial da Saúde divulgados pelo site Viva Bem.

Contra um mal tão recorrente e incapacitante, soluções complementares como o ozônio medicinal têm se tornado cada vez mais comuns na rotina dos pacientes, tornando os procedimentos tradicionais mais céleres, eficientes e acessíveis.

A seguir, conheça as causas e sintomas da lombalgia, bem como as possibilidades que o tratamento com ozonioterapia pode agregar à qualidade de vida das pessoas que sofrem com esse problema.
Causas e sintomas da lombalgia

As causas que podem desencadear dores nas costas são muitas e variam de indivíduo para indivíduo. Alguns fatores comuns, entretanto, podem ser detectados na grande maioria dos casos:

  • Posicionamento postural inadequado;
  • Trabalhos que exijam esforços repetitivos ou muitas horas em frente ao computador;
  • Problemas específicos da coluna, como artrose ou hérnia de disco;
  • Infecções ou inflamações em geral;
  • Sedentarismo;
  • Lesões ou fraturas de naturezas diversas;
  • Ansiedade, estresse, depressão e outros problemas de ordem psicológica.
  • O fator mais comum que faz os pacientes buscarem tratamento de lombalgia é justamente a dor recorrente nas costas que, geralmente, se manifesta na área inferior da coluna vertebral.

    As primeiras dores, geralmente, se manifestam de maneira sutil, sem grandes incômodos aos pacientes – o que faz a maioria das pessoas tentar corrigir seus hábitos sozinhas ou buscar tratamento tardio.

    Com o tempo, porém, a lombalgia pode se agravar e até irradiar para outras partes do corpo, em especial para a área posterior das coxas, provocando fraqueza e limitação.

    Além de todo o desconforto imposto pela patologia, esse tipo de consequência afeta as atividades mais simples do dia a dia, como subir escadas, sentar em carros lugares muito baixos ou pegar um objeto do chão.

    Como o ozônio medicinal age contra a lombalgia?

    É comum que uma mesma pessoa adulta sofra com vários episódios de lombalgia ao longo de sua vida, por isso, quanto menos invasiva for a técnica de tratamento, menores as chances de efeitos adversos.

    O ozônio medicinal se destaca justamente por esse fator, uma vez que se trata de um recurso totalmente natural e aplicado de maneira segura diretamente sob os locais afetados. Assim, contribui para a recuperação do paciente ativando seu sistema imunológico.

    Mais do que estimular as defesas do corpo, acelerando a recuperação tecidual e promovendo uma significativa melhoria da circulação sanguínea, a ozonioterapia ainda possui um poderoso efeito analgésico, responsável por uma melhoria significativa no bem-estar dos pacientes.

    Para se ter uma ideia da influência que o ozônio medicinal exerce no tratamento de lombalgia, um estudo revisional recente concluiu que o método é eficiente, dessa vez a partir da reunião de dados de 54 artigos sobre o tema.

    Com base em estudos multicêntricos aleatórios, revisões sistemáticas, metanálises com mais de 8 mil pacientes e até no Consenso Nacional Italiano, foi determinado mais uma vez como o tratamento com o gás é seguro, dado o baixíssimo número de pacientes com efeitos adversos, e capaz de combater diretamente as causas das dores lombares, diminuindo inclusive a necessidade de cirurgias ou do uso de medicamentos.

    Quer saber ainda mais sobre o assunto?

    Você também sofre com dores nas costas? Conhecia todos os benefícios da ozonioterapia contra esse problema? Quer saber ainda mais sobre o assunto?

    Continue acompanhando o blog Saúde com Ozônio para não perder nada sobre o ozônio medicinal no tratamento de lombalgia e contra mais de 200 patologias.

    Comentários

    Previous ArticleNext Article

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *